Notícias

Telecurso Autonomia

Autonomia forma 12.925 estudantes do Rio de Janeiro

Publicada em: 2 de fevereiro de 2015

Uma grande celebração marcou a formatura de 12.925 jovens nos ensinos Fundamental e Médio, que participaram do programa de aceleração da aprendizagem – Autonomia. Cerca de 200 estudantes representaram todos os concluintes do Programa. O Autonomia é uma iniciativa do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação, em parceria com a Fundação Roberto Marinho.

A cerimônia foi realizada na sede da Secretaria de Estado de Educação, no bairro Santo Cristo, e contou com a presença do governador do Estado do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão; do secretário de Estado de Educação, Wilson Risolia; do presidente da Fundação Roberto Marinho, José Roberto Marinho, e da gerente geral de Educação e Implementação da instituição, Vilma Guimarães.

Implementado desde 2009 no Estado do Rio de Janeiro, o Autonomia promoveu a aceleração de estudos para 62.918 estudantes em defasagem idade-ano até 2014.

Autonomia
O Autonomia adota a metodologia do Telecurso – tecnologia educacional, reconhecida e adotada como política pública pelo MEC, que oferece escolaridade básica de qualidade a quem precisa

Sobre o Autonomia e o Telecurso

O Autonomia adota a metodologia do Telecurso® – tecnologia educacional, reconhecida e adotada como política pública pelo Ministério da Educação (MEC), que oferece escolaridade básica de qualidade a quem precisa. É utilizado para a aceleração de aprendizagem nos ensinos Fundamental e Médio, na Educação de Jovens e Adultos (EJA), como alternativa ao ensino regular em cidades e comunidades geograficamente dispersas e como reforço escolar por pessoas de todas as idades. Desde 1995, a Fundação Roberto Marinho, por meio de parcerias com prefeituras, governos, instituições públicas e particulares, já implementou, em todo o Brasil, 32 mil salas de aula com a Metodologia Telessala, e formou mais de 40 mil professores e 7 milhões de estudantes. Com essa metodologia, o professor atua como mediador de aprendizagem, utilizando, em suas aulas, os livros do Telecurso, as teleaulas e material didático complementar. O Telecurso é uma Iniciativa da Fundação Roberto Marinho, em parceria com a Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp).