COVID-19: O que fazemos para contribuir com a Educação brasileira

 

Para enfrentar os principais desafios da Educação no país, neste período da pandemia, a Fundação Roberto Marinho dialoga com educadores, Secretarias de Educação e instituições do Terceiro Setor, participando de redes de cooperação, desenvolvendo e ofertando conteúdos e serviços educacionais gratuitos em nossas plataformas.

 

Nestes cinco meses de enfrentamento à pandemia no país, a Fundação buscou atuar com prontidão, inovação e baseada em evidências, para apoiar professores, gestores, estudantes e suas famílias.

A estratégia de atuação é dividida em seis frentes:

 

  1. 1. Distribuição e compartilhamento de conteúdo

. Estude em Casa: 3 faixas de programação especial no Canal Futura e TVs educativas. Cerca de 400 horas de conteúdo já foram licenciadas para instituições parceiras. Confira a grade com aulas específicas para quem está cursando Ensino Fundamental e Médio

 

. Mais de 600 videoaulas inéditas no YouTube do Futura – Já são mais de 8 milhões de visualizações no canal. Os vídeos trazem os conteúdos do Ensino Fundamental II, alinhados à BNCC.

 

. Conteúdo educativo cedido ao projeto Vamos Aprender, que conta com a adesão de 15 Secretarias Estaduais de Educação e 39 Secretarias Municipais de Educação. Vamos Aprender é uma parceria entre CONSED, UNDIME, CIEB, FRM, Fundação Lemann e UNESCO.

 

. Divulgação de soluções da FRM na Plataforma Aprendendo Sempre, iniciativa com 20 instituições, que mapeia ferramentas gratuitas para professores, gestores e famílias

 

  1. 2. Criação e implementação de serviços educacionais

. Mais de 4.300 alunos atendidos por mês em aulas online preparadas por professores da Escola da Fundação Roberto Marinho, no projeto Classes Abertas. As inscrições são gratuitas

 

  1. 3. Lançamento de novas metodologias e produtos

. Guia de Produção Audiovisual para educadores, auxiliando na utilização da tecnologia como recurso pedagógico

 

. Cursos Online para formação de professores já reúne mais de 1.600 participantes, com temas como Educação, Cidadania, Meio Ambiente e Ciência e Tecnologia. Veja aqui como se acompanhar

 

. Game educativo CDF (Clube Desafio Futura) com conteúdo customizável: os professores podem criar ambientes junto com seus estudantes, trabalhando o conteúdo com técnicas da gameficação. O app é gratuito

 

. Podcasts: novos serviços educacionais via streaming sobre educação, empreendedorismo, juventudes e inovação nas séries Chão de Escola, Negócio que eu Quero, PodTech, Ela Faz Assim e Qual vai ser?

 

  1. 4. Apoio às famílias no isolamento social

. Telas Abertas:  Comunicação instantânea via celular com informações sobre pandemia, estudos e rotina doméstica. O projeto é desenvolvido em parceria com o Instituto Votorantim

 

. QR Codes na tela do Futura: curadoria interativa leva conteúdo educacional complementar à TV. Veja aqui como funciona

 

  1. 5. Preparação para o retorno às aulas presenciais

. Matrizes Curriculares para aceleração da aprendizagem no Ensino Fundamental II e Ensino Médio, a partir da BNCC. Os documentos podem ser baixados gratuitamente

 

. Formação de professores e técnicos educacionais com foco em avaliação, gestão pedagógica e práticas de ensino e aprendizagem para o “volta às aulas”

 

  1. 6. Produção de evidências para subsidiar políticas públicas e projetos sociais

. Pesquisa “Juventudes e a Pandemia do Coronavírus” com CONJUVE, UNESCO e mais cinco parceiros: 33 mil jovens falam do impacto em suas vidas. Conheça os resultados

 

. Estudo “Consequências da violação do direito à educação“, parceria com o Insper: Brasil perde R$ 214 bilhões por ano com evasão escolar

 

. Pesquisa “Juventudes, Educação e Projeto de Vida”Terminar os estudos é o maior sonho

 

Imagem de fundo azul padrão